sábado, 13 de setembro de 2008

DEZ MOTIVOS



O sol nasce
O sol se põe
O homem impõe
Deus dispõe
Dois pra cá
Dois pra lá
Dois patinhos na lagoa
Duas gaivotas no ar
Dois pássaros na mão
Um pássaro voando livre no céu
Um amor
Uma paixão
Um pote de mel
Um pote de fel
Três casas em uma rua pacata
Três versos em uma linha exata

Direita, volver...

Os quatro cantos do mundo
Quatro velhinhos sentados
Quatro estrelas piscando no escuro
Quatro rosários rezados
Cinco crianças jogando bola
Cinco pessoas à mesa
Seis tocadores de viola
Seis indiozinhos na canoa
Seis jacarés de cartola
Sete cores do arco-íris
Sete dias da semana
Sete frutas madurinhas
Sete anos de lembranças

Esquerda, volver...

Oito amigos brindando a esperança
Oito elefantes na roda gigante
Oito carros passando na estrada
Oito noites encantadas
Nove contos de fadas
Nove duendes na floresta
Nove canções decoradas
Dez pasteis com recheio
Dez anos de solidão
Dez dias buscando abrigo
Dez pedaços de pão

Destino desfaço desordem...
A única ordem é: Descansar
...
Postar um comentário