domingo, 15 de novembro de 2009

ANDORINHA



Andorinha de asa quebrada e coração partido

Bebe a água fria da fonte.

Chegou o tempo que parecia tão longe

De retornar ao cume além do monte

Logo esquecerás, andorinha,

O cansaço desta longa jornada

E a dor e a tristeza

Da despedida que te mata...

Segue, breve esquecerás o tormento dos homens...

E só ouvirás, andorinha,

A cantiga perdida da fonte

Postar um comentário