sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

CATRAIERO CHINÊS

Foto by Pedro Paulo Vieira



Em preto e branco
Em branco e preto
Como a vida simples pelo rio
Os chapéus de um de dois
De dois de um
não têm três pontas e
E eles, pobres remadores, pescadores?! certamente nunca foram à Espanha
Mas conhecem a China de cor e salteado
Quase nunca estão errados, 

E todos, confiam tanto que até as aves pegam carona
Vão pelo caminho de água, deslizando; água, que, talvez
não há de ser a água azul do Yang-Tsé
Rio que corre nas veias junto com o sangue
direto ao coração
Mas, quem sabe um de seus afluentes?
Ou, enfim, seja apenas um simples canal, “coisa para inglês ver”
Se é que me entendem
Turista fica feliz batendo foto!
Postar um comentário