segunda-feira, 14 de abril de 2008

MEDIEVAL [1]



Bem ao Norte, em uma longínqua terra de nome estranho,
há uma rocha muito alta e muito larga em que, uma vez a cada mil anos, no alto de seu pico, 
pousa um pássaro a fim de afiar o bico.
Dizem que um dia da eternidade se esgotará somente quando a rocha se desgastar; 
quando, finalmente, o pássaro não tiver onde pousar nem onde o bico afiar.




















[1] Loon, Hendrik. W. Van The Story of mankind
Lenda Medieval (Allan, 2005)

Postar um comentário